sábado, 11 de maio de 2019

apanágio mental - tu sem mim não sou nada poesia heleno pinhal


fácil como pensar
é vatear a metro
ir certo, mas a amar
e de torto intelecto.

palavras de má rima
são duras de roer
mas geram autoestima
inspiram o meu ser.

qualquer caneta serve
pra gerar um poema
uma inspiração breve
num ecrã de cinema.

Sem comentários:

Publicar um comentário