sábado, 11 de maio de 2019

O Material tem sempre razão - farolas heleno pinhal


Rasguei a fita-cola larga para abrir o caixote. Depois, não consegui tirar a televisão lá de dentro por causa da esferovite que estava agarrada.
O meu pai gostava de comprar coisas novas que eu nunca tinha visto e ao abri-las, com os olhos a brilhar mais que os meus, dizia:
– O material tem sempre razão!
Decidi descobrir a razão das coisas. Agarrei em papel e lápis e desenhei uma tabela. No lado esquerdo escrevi “Pessoas grandes e pequenas” e do direito “Coisas inertes que só vivem ligadas à corrente”.
O tempo foi passando e eu fui riscando a folha toda. Sempre que alguém discutia com qualquer coisa inerte lá estava eu a anotar o resultado.
Após dois anos de jogo o papel acabou e um dos lados da tabela ganhou.
É aqui que esmoreço, não pode ser, os dados estão errados. Se o material tem sempre razão, quem é que lha deu?

Material tem sempre razão - farolas helenopinhal.blogspot.com

Sem comentários:

Publicar um comentário