quarta-feira, 29 de maio de 2019

aqui sim sou eu - tu sem mim não sou nada poesia heleno pinhal


Estar encantado pela vida
E ser dela chegado parceiro
Pô-la no estado de apetecida
Inventar o meu próprio roteiro.

Por todos os cantos há prazer
Tantos dias de nervos espanco
Onde tenho muito pra aprender
Sempre que escapo às visões de santo.

Quando a vida me tentar fugir
Pontapeio-a e num só joelho
Agarro-a. Não a deixo ir!

Pra prosseguir e morrer de velho.

20:26 h, 2010-12-19, Goa 5, Barreiro

Sem comentários:

Publicar um comentário